Junior da Violla

: Solo
SITE: www.juniordaviolla.com.br

JUNIOR DA VIOLLA
Nascido em 2 de Janeiro de 1978 em São Paulo, capital, desde muito cedo teve contato com a música. Começou os primeiros acordes no violão de seu pai e aos 5 anos ganhou um pequeno teclado aonde compôs a primeira música.
Pouco depois em 1984 ingressou em um curso de piano em uma escola perto de sua casa.
Entre 1990 e 92 ingressa na banda Sus Four como percussionista e em 1996 como baixista na banda Web of Spider. Inicia a carreira como violeiro em 1996 e ingressa nas bandas Blood Eyes e WhyRock misturando a viola caipira com as guitarras pesadas do rock.
Atua entre Fevereiro de 2000 e Agosto de 2001 na Orquestra Paulistana de Viola Caipira participando de programas de TV como "Viola Minha Viola", "Programa Célia e Celma", "Globo Rural",entre outros, além de vários shows pelo interior de São Paulo. Tornou-se um dos violeiros solistas da orquestra. Entre Agosto de 2001 a Agosto de 2003 foi regente da Orquestra dos Violeiros de São Paulo.
A partir de Março de 2000 inicia a carreira como professor de viola lecionando a domicílio ou em escolas de música como a Escola de Música Opus ( 2000 a 07 ), Escola livre de Música Pitch & Bend ( 2001 a 08 ), Escola de Música Jam Session ( 2002 a 03 ), Núcleo Musical NAM ( 2003 ). Desde 2006 oferece o curso de viola a distância via internet sendo pioneiro no aprendizado online da viola e desde 2008 leciona em seu próprio escritório.
Cursou Escola de Música OPUS ( violão em 1997 ), SENAC ( viola caipira em 2000 ), Escola de Música Pitch & Bend ( viola caipira em 2000 e 01 ), UNICSUL ( bacharelado em instrumento em 2001 ) e FAAM ( bacharelado em composição em 2006 e bacharelado em violão popular a partir de 2014 )
Em Junho de 2001 inaugura seu portal na internet ( www.juniordaviolla.com.br ), hoje grande referência sobre viola caipira na internet e em 2012 um portal sobre violão ( www.oviolao.com.br )
Participou das bandas Forró com Viola ( 2001 a 03 ), Nix Le Plix ( 2002 a 05 ), Sus Four ( 2003 a 05 ) , Maraska ( 2005 ), Electroman ( 2005 ), Why ( 2008 ), Destilados Elétricos ( 2010 ) e atualmente faz parte da banda Carcaráz ( 2013 )
Conquistou o 7º Festival de Música da UNICSUL com a dupla Lulu e Zé Gaúcha com os prêmios de "1º lugar" e "melhor arranjo". Em 2006 ficou em 3º lugar no Festival de Música de Viola Irmãs Volpi e ganhou 2 Prêmio Rozini de Excelência na Viola Caipira: nas categorias "Professor" em 2010 e "Violeiro" em 2013
Lançou o CD "Chão Marcado" em Abril de 2009, cd todo gravado em viola instrumental solo
Desde 1999 trabalha em carreira solo desenvolvendo apresentações de viola instrumental. Neste atual trabalho intitulado VIOLANDO CONCEITOS o violeiro Junior da Violla mostra que a viola esta acima de rotulações pré-concebidas. Também resgata a viola de 12 cordas ( 6 ordens ), largamente usada até as primeiras décadas do século passado. Esse projeto tem como principal objetivo, mostrar que a viola também pode ser um instrumento universal que além de executar música raiz, também é capaz de tocar outros gêneros musicais com a mesma desenvoltura e maestria de instrumentos como o violão e a guitarra. Em suas apresentações Junior da Violla apresenta clássicos da música caipira á exemplo de "Tristezas do Jeca", "Índia" e "Chalana" como também versões inusitadas e fora do convencional de nomes como Beatles com "Norwegian Wood", Michael Jackson com "Ben", Luis Gonzaga em "Asa Branca", Heitor Villa-Lobos e seu erudito "Trenzinho do caipira", até chegar ao pop rock dos anos 80 de Roupa Nova com "Sapato Velho". Além de utilizar em suas músicas as técnicas tradicionais dos violeiros antigos, Junior da Violla também leva o instrumento ao máximo de suas possibilidades sonoras, inclusive usando técnicas percussivas, pedais de looping e maneiras nada ortodoxas de tocar, juntando a tradição, inovação e tecnologia em suas apresentações e tudo isso apenas em viola solista, sem o auxílio de outros músicos, canto ou takes pré-gravados

<<

Junior da Violla :